O PROBLEMA

RESÍDUOS PLÁSTICOS

O lixo marinho, a poluição dos oceanos, rios e lagos do mundo colocam em risco os organismos vivos e é um dos maiores desafios para a nossa sociedade mundial. Mais de 150 milhões de toneladas de plástico já são encontradas nos oceanos do nosso mundo e mais de 10 milhões de toneladas são adicionadas a cada ano. Até 80 por cento do lixo marinho tem a sua origem em terra firme e cerca de três quartos são feitos de plástico. Se a poluição permanecer no ritmo atual, o mar estará completamente recoberto em poucos anos. De acordo com estudos recentes da ONU, haverá mais plástico do que peixes flutuando no mar até 2050.

Atualmente, enormes enxames de resíduos plásticos estão se formando nos oceanos do mundo; o maior deles é o Great Pacific Garbage Patch no Pacífico, que já tem o tamanho da Europa Central, ou seja a Alemanha, a Áustria, a Suíça, a Polônia, o Luxemburgo, a Hungria e a República Checa.

Pássaros, peixes e outras criaturas comem pedaços de plástico e perecem de estômago entupido com o lixo ou por lesões internas. Está cientificamente comprovado que mais de 40% das baleias, cerca de 36% das aves marinhas e de quase todas as espécies de peixes e de tartarugas marinhas comem lixo. Outros animais marinhos são enredados ou estrangulados em velhas redes de pesca, cordas ou películas de plástico.



Um perigo ainda maior à vida nos oceanos, assim como à saúde humana, é a fragmentação dos resíduos plásticos pela propagação de ondas em microplásticos. Através da ação insidiosa na cadeia alimentar, pequenos ingredientes plásticos e seus componentes (por exemplo, o plastificante) estão prejudicando os seres humanos e os animais. Os efeitos sobre a saúde humana ainda não foram totalmente estudados.

A ONU estimou que o prejuízo econômico anual causado pelos resíduos plásticos esteja em torno de 13 bilhões de dólares. No entanto, isso não leva em conta qualquer dano consequente (por exemplo, a presença do plástico na cadeia alimentar, etc.)

Além das ameaças à saúde humana e animal, o lixo também tem consequências econômicas: o turismo está ameaçado porque as praias estão poluídas, os pescadores lutam contra os resíduos plásticos em suas redes, o lixo fica agarrado em parafusos de navios, em sistemas de refrigeração e de dessalinização.

MICROPLÁSTICOS

O plástico no mar não desaparece simplesmente, mas tem uma vida útil de até 450 anos. Quanto mais o plástico flutua nos oceanos, e mais ele se desintegra devido ao atrito, à água salgada e à radiação UV em fragmentos cada vez menores (microplásticos), que se espalham por todo o mar sem poder ser removidos. Os animais marinhos confundem os pedaços de plástico com alimentos e morrem ao comê-los.

 



Através do efeito rastejante na cadeia alimentar, os componentes de plástico (por exemplo, os plastificantes) também constituem uma ameaça aos seres humanos.

Ainda não conhecemos o efeitos a médio e longo prazo dos microplásticos em seres humanos e em animais, nem mesmo se existem soluções para a sua eliminação do mar.

MARÉ NEGRA

Além dos resíduos plásticos, o petróleo, produtos químicos e outros poluentes poluem regularmente a água. Petróleo bruto, produtos petrolíferos ou químicos chegam no mar devido a acidentes, tais como âncoras de tanques de petróleo, operações de navios e exploração de petróleo. No entanto, a maior parte do petróleo e dos produtos químicos do mundo contaminando o mar vem da terra, através dos rios.



Os ligantes químicos e os chamados dispersantes (para a decomposição do petróleo) são frequentemente usados para combater acidentes petrolíferos. Os seus resíduos, porém, geralmente afundam na água, podendo assim colocar em risco todo o ecossistema. A OEOO está trabalhando em processos que removem o petróleo e os produtos químicos rapidamente, sem resíduos e ambientalmente amigáveis.

A SOLUÇÃO

A One Earth – One Ocean estabeleceu um grande objetivo: uma “coleta do lixo marinho”. O objetivo é limpar os mares e as águas continentais dos resíduos plásticos por meio de catamarãs de diferentes tamanhos e especialmente desenvolvidos.

LEIA MAIS

APOIE-NOS!

Você gostou dos nossos projetos e atividades de proteção ambiental? Então, por favor, torne-se membro e apoie-nos com uma contribuição anual ou com uma doação.

SIM, EU QUERO AJUDAR

Newsletter inscrevase

© COPYRIGHT 2019, ONE EARTH- ONE OCEAN e.V.